quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Gato convocado para júri nos Estados Unidos

Um gato, de nome Sal, foi convocado a participar de um júri em East Boston, nos Estados Unidos. Porém, os donos ainda não sabem como o animal de estimação foi parar à lista de jurados.
Guy Esposito e sua esposa Anna colocaram Sal no formulário do último censo.
«Eu escrevi "Sal Esposito", risquei "cachorro" e coloquei "gato"», contou Anna.
Ao receber a documentação para o júri, Anna entrou com um pedido para o retirar do júri.
Como Sal não é muito velho, doente ou criminoso condenado, então ela escolheu a razão mais óbvia: Sal não sabe falar inglês.
No entanto, o comissário do júri não ficou impressionado e negou o pedido.
A data do júri está marcada para dia 23 de Março. Anna disse que, se a situação não for resolvida até lá, terá de levar o gato para o tribunal.

3 comentários:

Tita disse...

Há com cada uma.
e ja viram que em Portugal os gatos tem sido acusados de inundação e incendios em apartamentos?... bjs

Journal Kittens disse...

Sem palavras, isso é sem noção, pobre gato!

GATA disse...

GENIAL! é por estas e por outras que gosto dos Estados Unidos!

PS: espero que não mandem o gato aprender inglês... :-)