sexta-feira, 4 de abril de 2008

© Almor Loução - Pescador Felino

Portefólio, aqui

3 comentários:

Almor Loução disse...

"É um gato sem carinho,
Que vive do mar...
Com seu instinto apuradinho,
Procura pescar.

É uma constante corrida,
Com o peixe a escassear...
Uma luta pela vida,
Para se poder alimentar.

Há que saber local e hora,
D'algum descarregamento...
Para aproveitar sem demora
Algum precioso alimento.

Tem que lutar e competir,
Para não morrer esfomeado,
Correndo risco até de vir
A ser por mim fotografado"

Almor (que resolveu levar,
Oferecendo ao gatinho,
Um petisco para provar,
Substituindo o peixinho)

Luís Graça disse...

E o gato sem carinho
que até vive do mar
teve um sonho em qu'era rei
e não tinha de pescar

Viu as bóias todas rosa
bebeu um copo de vinho
acordou era rei Gay
foi para o parque brincar

Lilazdavioleta disse...

Mas este gato é um sortudo.
Tem liberdade ; peixe de vez em quando; ser fotografado por si , e vir " parar " a um cantinho tão terno ... !