quarta-feira, 22 de agosto de 2007

O Gato

Na minha casa desejo ter
Uma mulher que imponha a sua razão
Um gato passeando por entre os livros
E porque sem eles não posso viver
Amigos seja qual for a estação

Guillaume Appolinaire

(tradução de Jorge de Sousa Braga)

1 comentário:

Menina_marota disse...

Pois... eu diria o mesmo, mas em sentido inverso, só que existe um senão...

andarem em cima dos meus livros???

Nenhum dos meus gatos se atrevia... aquilo é "chão" sagrado :-))))

eheheheh